Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

Então é setembro, mais uma vez...

Este parece mais especial que os outros.

Certamente que é pela idade... 50 anos tem uma cara diferente de qualquer outro que já vivi.

Olho a minha volta e as coisas parecem ter outras cores, sabores.
Despertam diferentes emoções.

As lágrimas surgem do nada e para lá voltam sem muito alarde.
Minhas filhas são tão, tão, tão mais que tudo que jamais fui capaz de sonhar.
Mesmo considerando que quase não sonhei com isso, é muito mais que tudo que já vi ou ouvi outras pessoas sonhando, querendo, idealizando.

Não sei direito para onde estou indo neste momento, nem me sinto confiante sobre onde desejo ir. Sinto-me uma felizarda por isso. É como se eu estivesse completa mesmo sentindo vontade de experimentar mais. Mais do mesmo, mais de outros... sem no entanto sentir que falta.

É mesmo bem estranho.
Confuso e esclarecedor.
Ambíguo.
Profundo.
Pleno.

Adeus 49, bem vindo 50.